Condecoração encerra participação de Itaipu e do Paraná na Termatalia

2017-09-26T12:25:25+00:00 25 setembro, 2017|

Agora é a vez do Brasil. Sede da maior feira termal do mundo será transferida para Foz do Iguaçu, no Paraná, em setembro de 2018.

Peregrino nato, o diretor-geral brasileiro de Itaipu, Luiz Fernando Leone Vianna, recebeu neste sábado (23), a comenda de Cavaleiro da Ordem de Santiago, na cidade histórica de Allariz, província de Ourense, Espanha. Vianna já fez sete vezes o Caminho de Santiago. É preciso fazer o trajeto ao menos uma vez para receber o título.

A Ordem é um clube exclusivo, com pouco mais de mil integrantes de 25 países. A vice-governadora do Paraná, Cida Borghetti, também recebeu a comenda de Dama da Ordem de Santiago. Gilmar Piolla, secretário de Turismo de Foz, foi agraciado com a comenda em 2015.

Já o ministro da Saúde, Ricardo Barros, recebeu a Grã-Cruz da Ordem do Caminho, que é uma distinção máxima da Ordem destinada apenas a autoridades, como presidentes, chefes de Estado e ministros, na parte da manhã. No total, dez pessoas receberam neste sábado a comenda.

O ato solene aconteceu um dia depois do encerramento da Termatalia, na Espanha, com a passagem do evento para Foz do Iguaçu, no ano que vem. Em setembro, a cidade terá um capítulo extraordinário da Ordem de Santiago, simultaneamente ao maior evento de águas termais do mundo, a Termatalia.

A ideia é criar até lá no corredor turístico da região o Caminho do Iguaçu, entre o Parque Nacional do Iguaçu, que liga Foz até Cascavel. Também está sendo estudada criação do Caminho ao Lago de Itaipu, que vai unir o Cristo Esplendor, de Santa Helena, até a Nossa Senhora, de Itaipulândia. A iniciativa vai reunir a Agência de Desenvolvimento da Região Turística Cataratas do Iguaçu e Caminhos ao Lago de Itaipu, e municípios da região.

Pela manhã, a comitiva formada por autoridades do Paraná participou da visita guiada e, depois, da Missa do Peregrino. Na ocasião, o diretor foi convidado a subir ao altar e fazer um discurso. Vianna fez uma invocação ao apóstolo Santiago.

“Chegamos aqui, como mais um entre tantos outros milhões de peregrinos procedentes de cinco continentes, para saudá-lo, prestar nosso respeito e pedir proteção. Participamos de uma jornada aqui na Espanha de um evento que agrega turismo, saúde, qualidade da água, entre outros a Termatalia. Mas, além da esfera terrestre, também encontramos tempo para o que é transcendente, para expressar ante ti a fé de um peregrino”, disse Vianna.

E acrescentou: “Minha vida está do outro lado do Atlântico, em um único enclave, que reúne Brasil, Argentina e Paraguai. Lá temos as Cataratas do Iguaçu e a Itaipu, a maior usina hidrelétrica em geração do mundo que tenho a honra de presidir com o colega paraguaio, o diretor James Spalding. É uma honra para nós sermos porta-vozes da Termatalia”.

Vianna também contou um pouco de sua história como peregrino. “Os 8 mil quilômetros que separam Brasil da Espanha não me impediram de fazer o Caminho de Santiago por várias vezes, sete no total”. Ele pediu então proteção em geral, por um mundo mais justo e solidário, e desejou sucesso na edição da Termatalia em Foz, em 2018.

Às 20h30, horário da Espanha, 15h30, horário de Brasília, houve o ato solene de investidura, na Igreja Santiago de Allariz. Nesse momento, Vianna e Cida Borghetti, receberam o título. Logo após, houve concerto seguido de peregrinação e jantar de gala.

Casa da Termatalia
Foz do Iguaçu será a sede do principal evento de águas termais do mundo, com a realização da Termatalia 2018, em setembro. Na sexta-feira (22), o diretor-geral brasileiro da Itaipu Binacional, Luiz Fernando Leone Vianna, o ministro da Saúde, Ricardo Barros, a vice-governadora do Paraná, Cida Borghetti, e o secretário municipal de Turismo, Gilmar Piolla, receberam as chaves da Feira Internacional de Turismo Termal, Saúde e Bem-Estar, a Termatalia.

A abertura oficial da Termatalia deste ano ocorreu na quinta-feira (21) no Espaço de Atos Especiais, mas as atividades começaram na segunda-feira (18) e seguiram até este sábado (23).

O anúncio da escolha de Foz do Iguaçu como sede da Termatalia em 2018 foi feito em abril e confirmada no final de julho, no Centro de Recepção de Visitantes (CRV) de Itaipu, com a assinatura do termo de compromisso por representantes da organização e do município.

São esperados para o evento mais de três mil profissionais do turismo de 40 países, o que deverá ajudar a posicionar a cidade como referência no termalismo. De acordo com a Organização Mundial do Turismo esse segmento deve crescer 9% nos próximos cinco anos, o dobro do turismo convencional.

Deixe seu Comentário